Brasília, Domingo, 03 de Março de 2024

Poder e Saúde

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Página Inicial Amenidades Sancionada lei que prevê validade maior de prescrição médica para grávida

Sancionada lei que prevê validade maior de prescrição médica para grávida

E-mail Imprimir PDF

Sancionada lei que prevê validade maior de prescrição médica para grávida

Sancionada lei que prevê validade maior de prescrição médica para grávida.

Regra permite ainda pedidos eletrônicos de exames pré-natal

O presidente Jair Bolsonaro sancionou lei que estende o prazo de validade de prescrições médicas e pedidos de exames para mulheres grávidas ou que tenham dado à luz enquanto durar a pandemia de Covid-19. A Lei 14.152/21 foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (20).

Pela regra, os documentos, a critério do médico, podem se manter válidos durante toda a gestação ou o puerpério (período que termina quando o corpo da mulher volta às condições anteriores à gravidez), podendo ser usados formulários em meio eletrônico.

Ainda pela lei, o sistema de saúde deverá facilitar o acesso de grávidas e puérperas a cuidados intensivos e à internação em unidades de terapia intensiva (UTIs) durante a pandemia.

A lei é originada do PL 2442/20, da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e outros parlamentares. O texto foi aprovado em março pela Câmara dos Deputados e em abril pelo Senado.

Fonte: Agência Câmara de Notícias